Coisas que nao podem faltar na mochila de um viajante

Antes de sair de casa, envie por e-mail cópias de documentos básicos, como autorização e adaptado de vacinação. Tenha também na bissaco cópias autenticadas deles. Isto pode ser fundamental no caso de despossar algum.
Remédios
A itinerante Amaranta Damous recomenda deixar um espaço para uma jovem farmácia único. É fundamental ter à mão analgésicos, antitérmicos, antialérgicos, anti-inflamatórios, antiácidos, medicações para desconfortos intestinais e band-aids – afinal de contas, você de modo algum sabe o que pode ocorrer ao longo a viagem.
Vestuário básico
Se tiver bagaceira para acelerar, reserve espaço na apetrecho de mão para moda íntimas (cuecas, calcinha e sutiãs), camiseta, calça e um calçado confortável. “”Já tive experiência com abafamento da bissaco, que só chegou dias em seguida. Este atenção foi essencial””, acautelado Tiago Imperatori.
Aldraba
Trancar a bissaco é uma ótima precaução para quem dorme em albergues e até em hotéis. Um aldraba simples, que sai por cacuri de R$ 15, e duas cópias de alicerce, são capazes de abrigar-se a viagem.
Adaptadores de tomada
O conhecido benjamin, “”T”” ou adaptador pode realizar muita falta. Se a viagem for para o Campo Adstrito, não se esqueça de que é usada uma chegada de tomada específica. É bem fácil obter no Brasil adaptadores universais por cacuri de R$ 20.
Botelha d’água
Água pode ser cara fora do país. Então, ande constantemente com uma garrafinha em mãos e encha constantemente que analisar um bebedouro, especialmente se for realizar longas trilhas e passeios.